Flávio Dino deve decretar lockdown no Maranhão ainda essa semana



Embora o governador tenha afirmado hoje (01), no JM1 da TV Mirante, que no momento ainda não há um quadro crítico que posso ser tomado medidas extremas. A situação vem se agravando, e a necessidade de aberturas de novos leitos de UTI e enfermarias para atender os infectados pelo novo Coronavírus e evitar um colapso da rede pública de saúde no estado, é uma realidade.

Com isso as informações é que o governador Flávio Dino vem sendo pressionado pela defensoria Pública do Maranhão para decretar um novo lockdown ainda essa semana.

Os procuradores fundamentado no boletim Epidemiológico da Secretária de Saúde estadual tem afirmado que o quadro da rede de hospitalar pública e privada tem piorado a cada dia.

Publicidade

Ontem (28), o governador publicou em suas redes sociais:  “Ainda não há decisão sobre Lockdown estadual. Contudo, prefeituras tem competência para decretar medidas preventivas nos seus territórios, à luz da realidade local. Amanhã irei reunir com demais Poderes e convidei municípios da Ilha e Imperatriz, onde ocupação hospitalar é maior”.

Flávio Dino vai se reunir ainda hoje (1°) com os presidentes da Assembleia Legislativa, Othelino Neto (PCdoB), e do Tribunal de Justiça, Lourival Serejo, afim de chegar  a um consenso sobre o assunto.

Na última sexta-feira o governador Flávio Dino (PCdoB), informou em coletiva que estava avaliando a adoção de medidas restritivas mais duras. Segundo o governador avaliação está ocorrendo em consonância com o secretário estadual de Saúde, Carlos Lula, o Comitê Científico do Maranhão e os demais estados vizinhos. No Piauí por exemplo no dia 22 de Fevereiro o governador Wellington Dias decretou  um novo lockdown.

Vale ressaltar que os defensores Clarice Viana Binda e Cosmo Sobral da Silva entraram na justiça com pedido para que fosse decretado o lockdown por 14 dias em todo o Maranhão.


Publicidade


Rua Ciro Rêgo 156 no centro de Pedreiras. Tel: 98112 0589 Baixe nosso app

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.