Raimundo a ave que voltou as cinzas, dessa vez não foi à fênix, foi o Louro



Coluna GS3:Por Geovane Leal

O ex-deputado Raimundo Louro uma das liderança de maior expressão política em Pedreiras embora tenha sofrido várias derrotas em suas disputas eleitorais no município, o louro, após duas reprovações ele foi eleito em 2000 como prefeito de Pedreiras.

Raimundo acabou não correspondendo aos anseios da população, não se reelegeu! E em uma outra tentativa de voltar ao palácio municipal sofreu mais uma derrota em 2008 ficando em terceiro lugar.

Em 2010 Louro retornou à vida pública eleito deputado estadual com dois anos de mandato. Seu ápice veio nas eleições 2012, onde por suas indicações foram eleitos dois filho como vereador, dois vices-prefeitos (a) e consequentemente ajudou há eleger os dois prefeitos, em Pedreiras e Trizidela do Vale.

Raimundo Louro foi denominado de fênix um pássaro da mitologia grega que, quando morria, entrava em auto-combustão e, passado algum tempo, ressurgia das próprias cinzas...

Com o passar do tempo diferente da ave mitológica, o papagaio não teve a mesma percepção de que assim como a fênix, ele teria que organizar o ninho com aromatizante da política “dialogar com os que eram seus fiéis” e incinerar suas vaidades.

2020 chegou e os raios do sol começaram a incineração não da fênix, mais do papagaio, que não tem o poder de renascer das cinzas. Louro com um mandato no legislativo maranhense garantido, resolveu colocar seu nome a apreciação popular em Pedreiras, porém foi barrado na lei da ficha limpa, logo em seguida colocou o da filha que não obtendo sucesso foi procurado por antigos e naquele período ainda atuais aliados políticos.

Raimundo não se curvou aos apelos e partiu para uma disputa eleitoral ao lado de seu antagônico Lenoilson Passos e mais “novo aliado” Humberto Feitosa, aliança que corroeu o eleitorado de Feitosa e começava direcionar a ave verde para virar cinzas.

Não satisfeito o papagaio bateu asas para o outro lado da ponte, onde também bateu de frente com uma de suas principais forças aliadas o grupo jacaré balé, na cidade do Vale até quem incentivou o periquito, logo em seguida saiu fora do projeto de “renovação” tão debatido por parte da oposição, assim como Pedreiras, em Trizidela os aliados e população já claramente recusava o papagaio e o periquito que culminou em duas derrotas acachapante e o retorno as cinzas, dessa vez não da fênix, mas do papagaio que foi capaz de reproduzir palavras para um fim trágico na política das duas cidades. 

Nossa gs3 da próxima semana falaremos do cenário montado por Araújo, Maia e Balé.

Publicidade

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.